A transição das páginas para a tela grande: As Vantagens de Ser Invisível, por Stephen Chbosky

Capa do livro As Vantagens de ser Invisível, por Stephen Chbosky. Fonte: Ulusel Super Mart

Capa do livro As Vantagens de ser Invisível, por Stephen Chbosky. Fonte: Ulusel Super Mart

Charlie é um garoto problemático, sem amigos, que começa a escrever cartas para um estranho, contando sobre sua vida na escola, seus novos amigos, experiências com drogas e descobertas do passado, antes esquecido.

O autor Stephen Chbosky consegue fazer o leitor se identificar com todos os personagens, por mais diferentes que sejam. Patrick é gay, Sam é problemática e Charlie é completamente antissocial, daí surgindo o termo “wallflower”, ou invisível.

Os problemas da adolescência, experiência com drogas, o primeiro amor, a sexualidade, tudo isso são questões que todos os jovens já tiveram que conviver, pelo menos uma vez na vida.

A grandeza da adaptação do livro para o filme é simplesmente o fato de que o diretor é o próprio autor.

O principal motivo para a adaptação para a telona ter funcionado tão bem foi exatamente o diretor. Stephen Chbosky, o autor do livro, dirigiu o filme! Fonte: MovPins

O principal motivo para a adaptação para a telona ter funcionado tão bem foi exatamente o diretor. Stephen Chbosky, o autor do livro, dirigiu o filme! Fonte: MovPins

Além de Chbosky conseguir adaptar suas próprias palavras para a telona, a escolha dos atores não poderia ter dado mais certo. Ezra Miller (Precisamos falar sobre Kevin), Emma Watson (Harry Potter) e Logan Lerman (Percy Jackson) formam o trio principal e realmente conseguem capturar a intensidade de cada personagem.

A história gira em torno de Charlie e sua adolescência problemática, regada de problemas pessoais, novos amigos e um passado que ele havia esquecido. Fonte: Pop Verse

A história gira em torno de Charlie e sua adolescência problemática, regada de problemas pessoais, novos amigos e um passado que ele havia esquecido. Fonte: Pop Verse

Seja lendo o livro ou assistindo o filme, é impossível não se emocionar com as cartas de Charlie, com seu sofrimento, com sua amizade com Sam e Patrick, e sua vontade de ser mais.

Conhecer essa obra é entender a frase “eu me sinto infinito”.

Pôster do filme, com os atores principais: Ezra Miller, que interpreta Patrick; Emma Watson, como Sam e Logan Lerman, que dá vida ao problemático Charlie. Fonte: IMDB

Pôster do filme, com os atores principais: Ezra Miller, que interpreta Patrick; Emma Watson, como Sam e Logan Lerman, que dá vida ao problemático Charlie. Fonte: IMDB

Postado por: Taany Maeno

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s