“Moça, tem como cê me arranjar um bocado de comida? Tô com fome.”

“Moça, tem como cê me arranjar um bocado de comida? Tô com fome.”

Taany Maeno Silva

“Moça, tem comida?”

Eu entrego a comida, ele agradece e fala “Deus te abençoe, moça, que seu restaurante venda muito, que você seja muito feliz”. Eu agradeço e o vejo se afastar, feliz.

Há algo sereno em ver uma pessoa feliz. Por um breve momento, você percebe que aquele jovem esqueceu que mora na rua, que não tem onde dormir, que sofre com chuva, frio e fome.

Por um momento, ele vê que existe alguém que se importa e compartilha algo que ele não possui.

Em frações de segundos, penso como seria ser ele. O garoto que já se encontra nas ruas, sem ter o que comer. Em questão de segundos, eu penso “eu preciso fazer mais alguma coisa por esse jovem”, e o chamo de volta.

Ele retorna, preocupado, achando que vou tirar a comida dele. Falo para ele esperar, e volto correndo para dentro. Volto com uma garrafa d’água, uns trocados que tinha na bolsa (os únicos trocados que tinha na bolsa), e alguma outra coisa para ele comer.

Seu rosto fica radiante e ele não se contém e chora. E eu choro junto. Ele fala que nunca ninguém se importou com ele. E que nunca me esquecerá, sempre serei “a moça boazinha”.

Eu o vejo virando a esquina, com sua comida na mão, parecendo que está indo para casa, e eu penso o quanto eu queria que ele estivesse realmente indo para casa.

Sei que dificilmente o verei de novo. Ele pode morrer na rua, como tantos outros antes, ou pode simplesmente sumir do mapa. Mas por um breve momento, ele era alguém e eu era a “moça boazinha” que o ajudou a perceber isso. E por um momento, isso basta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s